A constru鈬o do personagem criminoso na literatura e no cinema

A constru鈬o do personagem criminoso na literatura e no cinema

Autor: Marca: Dial騁ica Refer麩cia: 9786558771333

Carregando...
 
Simulador de Frete
- Calcular frete


 

Descri鈬o

Esta obra possui como tema o criminoso, a partir da figura鈬o e an疝ise de personagens criados pela literatura e pelo cinema, no fim do s馗ulo XX e incio do s馗ulo XXI, mais especificamente entre os anos de 1997 e 2002. Embasam esta reflex縊 as perspectivas tericas do biopoder, bem como da "dizi-visibilidade", e do "direito narrativa" que os grupos minorit疵ios t麥 buscado na contemporaneidade. Est縊 em debate quatro personagens bastante discutidos e visibilizados nos ambientes da comunica鈬o e da cultura no incio do s馗ulo XX, e que alcan軋ram um grande pblico nesse perodo: Z Pequeno (Cidade de Deus, 1997, Paulo Lins), Rael (Cap縊 Pecado, 2000, Ferr騷), Z Pequeno (Cidade de Deus, 2002, Fernando Meirelles) e Sandro (ヤnibus 174, 2002, Jos Padilha). Todos t麥 em comum o fato de, ainda hoje, serem conhecidos de uma parte do pblico e de serem criminosos considerados "hediondos". As reflexes aqui postas buscam entender como estes personagens foram construdos, de modo a reiterar ou rasurar o esteretipo do "sujeito hediondo", j implantado no imagin疵io por outros discursos da cultura e da poltica brasileira. Para faz-lo, chamamos tamb駑 baila outras produ鋏es discursivas, como msicas, fotografias, trechos de jornais, textos de blogues e redes sociais, para entrever estes personagens na teia de suas ramifica鋏es narrativas.


Caractersticas

Caractersticas


  • Ano: 2020
  • Autor: VALQUIRIA LIMA DA SILVA
  • Selo: Dial騁ica
  • ISBN: 9786558771333
  • Nコ de P疊inas: 180


Coment疵ios e Avalia鋏es

Deixe seu comentário e sua avalia鈬o







- M痊imo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avalia鈬o:
Enviar
Fa軋 seu login e comente.
Esta obra possui como tema o criminoso, a partir da figura鈬o e an疝ise de personagens criados pela literatura e pelo cinema, no fim do s馗ulo XX e incio do s馗ulo XXI, mais especificamente entre os anos de 1997 e 2002. Embasam esta reflex縊 as perspectivas tericas do biopoder, bem como da "dizi-visibilidade", e do "direito narrativa" que os grupos minorit疵ios t麥 buscado na contemporaneidade. Est縊 em debate quatro personagens bastante discutidos e visibilizados nos ambientes da comunica鈬o e da cultura no incio do s馗ulo XX, e que alcan軋ram um grande pblico nesse perodo: Z Pequeno (Cidade de Deus, 1997, Paulo Lins), Rael (Cap縊 Pecado, 2000, Ferr騷), Z Pequeno (Cidade de Deus, 2002, Fernando Meirelles) e Sandro (ヤnibus 174, 2002, Jos Padilha). Todos t麥 em comum o fato de, ainda hoje, serem conhecidos de uma parte do pblico e de serem criminosos considerados "hediondos". As reflexes aqui postas buscam entender como estes personagens foram construdos, de modo a reiterar ou rasurar o esteretipo do "sujeito hediondo", j implantado no imagin疵io por outros discursos da cultura e da poltica brasileira. Para faz-lo, chamamos tamb駑 baila outras produ鋏es discursivas, como msicas, fotografias, trechos de jornais, textos de blogues e redes sociais, para entrever estes personagens na teia de suas ramifica鋏es narrativas.

Deixe seu comentário e sua avalia鈬o







- M痊imo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avalia鈬o:
Enviar
Fa軋 seu login e comente.

Caractersticas


  • Ano: 2020
  • Autor: VALQUIRIA LIMA DA SILVA
  • Selo: Dial騁ica
  • ISBN: 9786558771333
  • Nコ de P疊inas: 180


Receba nossas promo鋏es por e-mail: