A judicializa鈬o do cotidiano: representa鋏es sobre o mito do Juiz na resolu鈬o dos conflitos e a crise de alteridade contempor穗ea

A judicializa鈬o do cotidiano: representa鋏es sobre o mito do Juiz na resolu鈬o dos conflitos e a crise de alteridade contempor穗ea

Autor: Marca: Dial騁ica Refer麩cia: 9786525227801

Carregando...
Simulador de Frete
- Calcular frete


 

Descri鈬o

Conforme se observa nos ltimos anos, a sociedade vem atribuindo grande relevo ao Poder Judici疵io na resolu鈬o dos conflitos, em detrimento dos demais Poderes do Estado Democr疸ico de Direito, quais sejam, do Legislativo e do Judici疵io.

Constata-se, ent縊, o fenmeno da judicializa鈬o das rela鋏es sociais, inclusive das rela鋏es polticas.

A judicializa鈬o anda estreitamente vinculada difus縊 da ideia da sociedade de recorrer ao Poder Judici疵io para mediar, regrar e punir os efeitos dos dissensos no cotidiano das exist麩cias e das normas sociais.

N縊 se trata de mera inger麩cia do Poder Judici疵io, uma vez que ele requisitado por diferentes atores sociais. Fato que a sociedade tem terceirizado suas rela鋏es, intermediando-as pelas figuras dos operadores do direito.

Entretanto, n縊 se pode descurar do fato de que a apropria鈬o poltica da consci麩cia descaracteriza o sentido das normas morais em seu car疸er primitivo. E, em vez de acarretar a socializa鈬o da Justi軋, o que se configura uma funcionaliza鈬o das rela鋏es sociais.

Procurar-se- demonstrar no decorrer do texto que tal excesso tem graves consequ麩cias, n縊 somente em termos financeiros, mas, principalmente, de danos 灣 rela鋏es pessoais, vida comunit疵ia e prpria democracia. Dentro de tal contexto, o instituto da media鈬o um importante meio de resolu鈬o de conflitos e apaziguamento de tenses na sociedade.



Caractersticas

  • Ano: 2022
  • Autor: Elaine Lucio Pereira
  • Selo: Dial騁ica
  • ISBN: 9786525227801
  • Nコ de P疊inas: 172
  • Capa: Flexvel


Coment疵ios e Avalia鋏es

Deixe seu comentário e sua avalia鈬o







- M痊imo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avalia鈬o:
Enviar
Fa軋 seu login e comente.

Conforme se observa nos ltimos anos, a sociedade vem atribuindo grande relevo ao Poder Judici疵io na resolu鈬o dos conflitos, em detrimento dos demais Poderes do Estado Democr疸ico de Direito, quais sejam, do Legislativo e do Judici疵io.

Constata-se, ent縊, o fenmeno da judicializa鈬o das rela鋏es sociais, inclusive das rela鋏es polticas.

A judicializa鈬o anda estreitamente vinculada difus縊 da ideia da sociedade de recorrer ao Poder Judici疵io para mediar, regrar e punir os efeitos dos dissensos no cotidiano das exist麩cias e das normas sociais.

N縊 se trata de mera inger麩cia do Poder Judici疵io, uma vez que ele requisitado por diferentes atores sociais. Fato que a sociedade tem terceirizado suas rela鋏es, intermediando-as pelas figuras dos operadores do direito.

Entretanto, n縊 se pode descurar do fato de que a apropria鈬o poltica da consci麩cia descaracteriza o sentido das normas morais em seu car疸er primitivo. E, em vez de acarretar a socializa鈬o da Justi軋, o que se configura uma funcionaliza鈬o das rela鋏es sociais.

Procurar-se- demonstrar no decorrer do texto que tal excesso tem graves consequ麩cias, n縊 somente em termos financeiros, mas, principalmente, de danos 灣 rela鋏es pessoais, vida comunit疵ia e prpria democracia. Dentro de tal contexto, o instituto da media鈬o um importante meio de resolu鈬o de conflitos e apaziguamento de tenses na sociedade.

Deixe seu comentário e sua avalia鈬o







- M痊imo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avalia鈬o:
Enviar
Fa軋 seu login e comente.
  • Ano: 2022
  • Autor: Elaine Lucio Pereira
  • Selo: Dial騁ica
  • ISBN: 9786525227801
  • Nコ de P疊inas: 172
  • Capa: Flexvel


Receba nossas promo鋏es por e-mail: