Direito e Ideologia: uma aproxima鈬o entre Marx e Freud, Lacan e Zizek

Direito e Ideologia: uma aproxima鈬o entre Marx e Freud, Lacan e Zizek

Autor: Marca: Dial騁ica Refer麩cia: 9786525258324

Carregando...
Simulador de Frete
- Calcular frete


 

Descri鈬o

O Autor procura refletir sobre a constitui鈬o do moderno direito e sua rela鈬o com o problema da ideologia. Para isso, mobiliza categorias sobretudo da teoria social crtica e da psican疝ise, identificando na passagem do feudalismo ao capitalismo o momento crtico de transforma鈬o social, em que se origina as determina鋏es mais profundas do seu funcionamento. No centro desse engendramento, encontram-se as figuras da mercadoria e, como formas derivadas, o sujeito de direito e a ideologia.

Conforme a mercadoria realiza suas qualidades de universalidade e abstralidade, ela se torna capaz de representar qualquer mercadoria para qualquer outra mercadoria. Nesses termos, a forma mercantil se identifica forma do significante mestre lacaniano. Assim, quando as rela鋏es sociais est縊 desenvolvidas at a completa circula鈬o mercantil – a circula鈬o da prpria for軋 de trabalho como mercadoria –, a articula鈬o da figura do mestre se torna prescindvel como modo discursivo organizador do arranjo social.

A troca de mercadorias passa a organizar a sociabilidade capitalista, e a autoridade desdobrada em duas inst穗cias distintas, a poltica – aqui considerado o direito e o Estado – e a cultura, que poderia ser descrita mais acertadamente como a inst穗cia da ideologia. A forma jurdica, na medida em que derivada da forma mercantil, tanto conforma o discurso ideolgico, quanto por ele preenchida, na medida em que adquire universalidade e abstralidade.



Caractersticas

  • Ano: 2022
  • Autor: Luiz Sibahi
  • Selo: Dial騁ica
  • ISBN: 9786525258324
  • Nコ de P疊inas: 244


Coment疵ios e Avalia鋏es

Deixe seu comentário e sua avalia鈬o







- M痊imo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avalia鈬o:
Enviar
Fa軋 seu login e comente.

O Autor procura refletir sobre a constitui鈬o do moderno direito e sua rela鈬o com o problema da ideologia. Para isso, mobiliza categorias sobretudo da teoria social crtica e da psican疝ise, identificando na passagem do feudalismo ao capitalismo o momento crtico de transforma鈬o social, em que se origina as determina鋏es mais profundas do seu funcionamento. No centro desse engendramento, encontram-se as figuras da mercadoria e, como formas derivadas, o sujeito de direito e a ideologia.

Conforme a mercadoria realiza suas qualidades de universalidade e abstralidade, ela se torna capaz de representar qualquer mercadoria para qualquer outra mercadoria. Nesses termos, a forma mercantil se identifica forma do significante mestre lacaniano. Assim, quando as rela鋏es sociais est縊 desenvolvidas at a completa circula鈬o mercantil – a circula鈬o da prpria for軋 de trabalho como mercadoria –, a articula鈬o da figura do mestre se torna prescindvel como modo discursivo organizador do arranjo social.

A troca de mercadorias passa a organizar a sociabilidade capitalista, e a autoridade desdobrada em duas inst穗cias distintas, a poltica – aqui considerado o direito e o Estado – e a cultura, que poderia ser descrita mais acertadamente como a inst穗cia da ideologia. A forma jurdica, na medida em que derivada da forma mercantil, tanto conforma o discurso ideolgico, quanto por ele preenchida, na medida em que adquire universalidade e abstralidade.

Deixe seu comentário e sua avalia鈬o







- M痊imo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avalia鈬o:
Enviar
Fa軋 seu login e comente.
  • Ano: 2022
  • Autor: Luiz Sibahi
  • Selo: Dial騁ica
  • ISBN: 9786525258324
  • Nコ de P疊inas: 244


Receba nossas promo鋏es por e-mail: