Imagin疵ios Juvenis: cinema, recep鈬o, media鋏es e consumo cultural

Imagin疵ios Juvenis: cinema, recep鈬o, media鋏es e consumo cultural

Autor: Marca: Dial騁ica Refer麩cia: 9786525270852

Carregando...
Simulador de Frete
- Calcular frete


 

Descri鈬o

Este livro o resultado de uma disserta鈬o de mestrado, realizada entre 2012 e 2015, que teve por objetivo estudar o imagin疵io acerca da juventude atual, contrapondo-o com leituras de outros momentos histricos, mais precisamente das d馗adas de 1960 e de 1980, o que possibilitou a compara鈬o de diferentes gera鋏es.

O estudo se realizou por meio da an疝ise das narrativas flmicas – "Somos t縊 Jovens" (2011) e "Confisses de Adolescentes" (2013) – e das narrativas de receptores. As perguntas que nortearam a pesquisa foram: como os filmes "Somos t縊 Jovens" e "Confisses de Adolescentes" concebem juventude? E como os jovens receptores equacionam suas prprias narrativas baseadas no filme e em suas experi麩cias de vida cotidiana?

Resumidamente, trata-se de um estudo de recep鈬o cinematogr畴ica que se estruturou a partir das reflexes sobre "cultura de massa" e imagin疵io de Edgar Morin, e a partir da "chave metodolgica" de Jess Martn-Barbero: a media鈬o. Neste estudo foram utilizadas a "media鈬o situacional", a "media鈬o midi疸ica" e a "media鈬o geracional". A base terico metodolgica tamb駑 privilegiou as formas de apropria鋏es (a "leitura dos usos"), caminho apontado pelos Estudos Culturais Ingleses, em especial, por Raymond Willians.



Caractersticas

  • Ano: 2023
  • Autor: Thais Zonta de Nbrega
  • Selo: Dial騁ica
  • ISBN: 9786525270852
  • Nコ de P疊inas: 216


Coment疵ios e Avalia鋏es

Deixe seu comentário e sua avalia鈬o







- M痊imo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avalia鈬o:
Enviar
Fa軋 seu login e comente.

Este livro o resultado de uma disserta鈬o de mestrado, realizada entre 2012 e 2015, que teve por objetivo estudar o imagin疵io acerca da juventude atual, contrapondo-o com leituras de outros momentos histricos, mais precisamente das d馗adas de 1960 e de 1980, o que possibilitou a compara鈬o de diferentes gera鋏es.

O estudo se realizou por meio da an疝ise das narrativas flmicas – "Somos t縊 Jovens" (2011) e "Confisses de Adolescentes" (2013) – e das narrativas de receptores. As perguntas que nortearam a pesquisa foram: como os filmes "Somos t縊 Jovens" e "Confisses de Adolescentes" concebem juventude? E como os jovens receptores equacionam suas prprias narrativas baseadas no filme e em suas experi麩cias de vida cotidiana?

Resumidamente, trata-se de um estudo de recep鈬o cinematogr畴ica que se estruturou a partir das reflexes sobre "cultura de massa" e imagin疵io de Edgar Morin, e a partir da "chave metodolgica" de Jess Martn-Barbero: a media鈬o. Neste estudo foram utilizadas a "media鈬o situacional", a "media鈬o midi疸ica" e a "media鈬o geracional". A base terico metodolgica tamb駑 privilegiou as formas de apropria鋏es (a "leitura dos usos"), caminho apontado pelos Estudos Culturais Ingleses, em especial, por Raymond Willians.

Deixe seu comentário e sua avalia鈬o







- M痊imo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avalia鈬o:
Enviar
Fa軋 seu login e comente.
  • Ano: 2023
  • Autor: Thais Zonta de Nbrega
  • Selo: Dial騁ica
  • ISBN: 9786525270852
  • Nコ de P疊inas: 216


Receba nossas promo鋏es por e-mail: