O canto do bode humano: tragicidade, exílio e estranheza em Galileia de Ronaldo Correia de Brito

O canto do bode humano: tragicidade, exílio e estranheza em Galileia de Ronaldo Correia de Brito

Autor: Marca: Dialética Referência: 9786558778264

Carregando...
Simulador de Frete
- Calcular frete


 

Descrição

O canto do bode humano, de Felipe Aguiar, traz uma discussão do trágico sob a perspectiva social, tomando reflexões construídas pelos estudos de Raymond Williams unidas à construção teórica do Estado jardineiro do sociólogo Zygmunt Bauman. Propõe que a era moderna foi construída sobre um ethos de ordem e cisma que constrói o exílio e a estranheza dos nossos tempos, submetendo as gerações à tragédia de uma vida sob o signo da estrangeiridade. É em diálogo com esse arcabouço teórico que os personagens do Romance Galileia, do escritor Ronaldo Correia de Brito, surgem, em seus percursos migrantes, como problematizadores de tais questões. Adonias, Davi e Ismael, os principais personagens do romance, são exilados em tensão, filhos de uma tragédia social que os condenam a uma vida sem redenção: uma alegoria dos nossos tempos.



Características

  • Ano: 2021
  • Autor: Luiz Felipe de Queiroga Aguiar Leite
  • Selo: Dialética
  • ISBN: 9786558778264
  • Nº de Páginas: 220


Comentários e Avaliações

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

O canto do bode humano, de Felipe Aguiar, traz uma discussão do trágico sob a perspectiva social, tomando reflexões construídas pelos estudos de Raymond Williams unidas à construção teórica do Estado jardineiro do sociólogo Zygmunt Bauman. Propõe que a era moderna foi construída sobre um ethos de ordem e cisma que constrói o exílio e a estranheza dos nossos tempos, submetendo as gerações à tragédia de uma vida sob o signo da estrangeiridade. É em diálogo com esse arcabouço teórico que os personagens do Romance Galileia, do escritor Ronaldo Correia de Brito, surgem, em seus percursos migrantes, como problematizadores de tais questões. Adonias, Davi e Ismael, os principais personagens do romance, são exilados em tensão, filhos de uma tragédia social que os condenam a uma vida sem redenção: uma alegoria dos nossos tempos.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.
  • Ano: 2021
  • Autor: Luiz Felipe de Queiroga Aguiar Leite
  • Selo: Dialética
  • ISBN: 9786558778264
  • Nº de Páginas: 220


Receba nossas promoções por e-mail: