Teoria crítica do direito: O discurso dos Direitos Humanos frente à biopolítica, à colonialidade e ao neoliberalismo

Teoria crítica do direito: O discurso dos Direitos Humanos frente à biopolítica, à colonialidade e ao neoliberalismo

Autor: Marca: Dialética Referência: 9786527017677

Carregando...
Simulador de Frete
- Calcular frete


 

Descrição

Os autores demostram preocupação com a teoria da democracia e com o discurso dos direitos humanos a constituir um livro de teoria política do direito. Trata-se, portanto, de uma crítica à tradicional teoria do direito, permeada tanto pela transdisciplinaridade das ciências sociais, quanto pelos dilemas emergentes da vida política. A filosofia social crítica e decolonial foi neste livro manipulada no intuito de se explorar caminhos alternativos a um sentido de governamentalidade calcado na matriz de racionalidade moderno/colonial. A assimetria e a reversibilidade das relações microfísicas de saber e de poder, a distinção ontológica estabelecida pela geopolítica do conhecimento e a diferença colonial foram usadas para demonstrar a potência e a sofisticação de algumas contribuições ainda recentes na história do pensamento, visando a uma aproximação entre o discurso e a performance dos direitos na sociedade brasileira contemporânea. Na esperança de que a teoria e a prática do direito no Brasil possam romper com sua própria história, contribuindo efetivamente para uma autêntica conciliação entre sociedade e estado, de modo a se superar um horizonte de graves e sistemáticas lesões aos direitos das parcelas mais populares e vulneráveis.



Características

  • Ano: 2023
  • Autor: Adalberto Batista Arcelo e Lucas de Alvarenga Gontijo
  • Selo: Dialética
  • ISBN: 9786527017677
  • Nº de Páginas: 136
  • Capa: Flexível


Comentários e Avaliações

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Os autores demostram preocupação com a teoria da democracia e com o discurso dos direitos humanos a constituir um livro de teoria política do direito. Trata-se, portanto, de uma crítica à tradicional teoria do direito, permeada tanto pela transdisciplinaridade das ciências sociais, quanto pelos dilemas emergentes da vida política. A filosofia social crítica e decolonial foi neste livro manipulada no intuito de se explorar caminhos alternativos a um sentido de governamentalidade calcado na matriz de racionalidade moderno/colonial. A assimetria e a reversibilidade das relações microfísicas de saber e de poder, a distinção ontológica estabelecida pela geopolítica do conhecimento e a diferença colonial foram usadas para demonstrar a potência e a sofisticação de algumas contribuições ainda recentes na história do pensamento, visando a uma aproximação entre o discurso e a performance dos direitos na sociedade brasileira contemporânea. Na esperança de que a teoria e a prática do direito no Brasil possam romper com sua própria história, contribuindo efetivamente para uma autêntica conciliação entre sociedade e estado, de modo a se superar um horizonte de graves e sistemáticas lesões aos direitos das parcelas mais populares e vulneráveis.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.
  • Ano: 2023
  • Autor: Adalberto Batista Arcelo e Lucas de Alvarenga Gontijo
  • Selo: Dialética
  • ISBN: 9786527017677
  • Nº de Páginas: 136
  • Capa: Flexível


Receba nossas promoções por e-mail: