Acesso à justiça e pobreza: um recorte através da Defensoria Pública

Acesso à justiça e pobreza: um recorte através da Defensoria Pública

Autor: Marca: Dialética Referência: 9786559563371

Carregando...
Simulador de Frete
- Calcular frete


 

Descrição

O livro aborda as bases teóricas do direito fundamental de acesso à justiça, perspectivando-o à luz dos ordenamentos brasileiro e português, comparativamente, bem como contextualizando a sua relevância no plano internacional, nos tratados e nas cortes de direitos humanos. Além de perscrutar a natureza jurídica do direito fundamental em comento, a obra descortina os inúmeros obstáculos que se interpõem entre os pobres e o sistema de justiça. A par do tradicional óbice econômico, o livro realça outros entraves - de natureza cultural, social e digital. A partir do estudo dessa problemática, a autora explica, também, os diferentes modelos pelos quais os estados em todo o mundo procuraram desincumbir-se da obrigação de propiciar o acesso à justiça e ao direito aos seus cidadãos. Através de revisão bibliográfica, da análise documental de julgados dos tribunais superiores brasileiros, bem como do cotejo de estatísticas oficiais, a autora debruça-se sobre a Defensoria Pública, realçando o papel que esta instituição assume no panorama de efetivação dos direitos fundamentais contemporaneamente em favor, especialmente, dos necessitados. O paradigma é a Defensoria Pública brasileira, mas o trabalho perpassa também previsões internacionais dessa instituição em outros estados.



Características

  • Ano: 2021
  • Autor: NADINNE SALES CALLOU ESMERALDO PAES
  • Selo: Dialética
  • ISBN: 9786559563371
  • Nº de Páginas: 152


Comentários e Avaliações

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

O livro aborda as bases teóricas do direito fundamental de acesso à justiça, perspectivando-o à luz dos ordenamentos brasileiro e português, comparativamente, bem como contextualizando a sua relevância no plano internacional, nos tratados e nas cortes de direitos humanos. Além de perscrutar a natureza jurídica do direito fundamental em comento, a obra descortina os inúmeros obstáculos que se interpõem entre os pobres e o sistema de justiça. A par do tradicional óbice econômico, o livro realça outros entraves - de natureza cultural, social e digital. A partir do estudo dessa problemática, a autora explica, também, os diferentes modelos pelos quais os estados em todo o mundo procuraram desincumbir-se da obrigação de propiciar o acesso à justiça e ao direito aos seus cidadãos. Através de revisão bibliográfica, da análise documental de julgados dos tribunais superiores brasileiros, bem como do cotejo de estatísticas oficiais, a autora debruça-se sobre a Defensoria Pública, realçando o papel que esta instituição assume no panorama de efetivação dos direitos fundamentais contemporaneamente em favor, especialmente, dos necessitados. O paradigma é a Defensoria Pública brasileira, mas o trabalho perpassa também previsões internacionais dessa instituição em outros estados.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.
  • Ano: 2021
  • Autor: NADINNE SALES CALLOU ESMERALDO PAES
  • Selo: Dialética
  • ISBN: 9786559563371
  • Nº de Páginas: 152


Receba nossas promoções por e-mail: